terça-feira, 18 de março de 2014

Jeans flare ou à boca-de-sino - elas estão de volta ou nem foram a lado nenhum mesmo!


As calças à boca de sino vieram à baila com a última cliente quando, na fase de Personal Shopping, encontramos as calças de ganga perfeitas. Aquelas. As tais. As que nos assentam na perfeição, deixam-nos com Aquele rabo e Aquelas pernas, subindo os pontos da confiança lá ao máximo. E as Tais eram umas jeans flare ou à boca-de-sino.

É um modelo de que a cliente gostava, encontramos umas ótimas, como se viu, na Mango do Freeport, mas não tinha bem a certeza se ainda se usavam. Usam sim senhora. Como disse no título, acho que nunca se deixaram de usar. Hoje em dia, e cada vez mais, já não faz sentido pensar em modas e tendências - a ideia é usar o que nos favorece e aquilo com que nos identificamos e também é mais provável encontrarmos todos os modelos existentes à venda - desde skinny jeans a cigarrette a pata de elefante. Há gostos para tudo e é o consumidor que exige cada vez mais a existência de todas as alternativas de escolha. Pois que, então, as boca-de-sino, embora originárias das décadas de 60 e 70, são um modelo que continua muito atual e fácil de combinar em diferentes estilos e muito favorável a vários tipos de corpo.

Nos dias de hoje encontram-se modelos mais simples e com uma abertura da base menos exagerada que nos tempos do auge do estilo hippie, no entanto, esse drama está a ser recuperado como se pode ver pelo modelo que a Andy do Style Scrapbook está a usar na foto aqui em cima.

E a quem ficam bem? A meninas com ancas largas, por exemplo, já que a flare é útil para equilibrar a proporção da largura da anca e coxa que ficariam tipo cone numas skinny jeans. A falta de anca também beneficia do volume da boca-de-sino para simular mais amplitude na parte de baixo, como se pretende. Para as mais baixinhas, ou para quem tem uma barriguinha ou para todas, no fundo, é sempre de preferir as flared jeans com a cintura alta para alongar as pernas e a figura. Não se esqueçam de colocar sempre a blusa por dentro ou apenas a pontinha à frente para terem os benefícios de alongamento e parecerem mais magras, até. Com a largura da base da calça, uns saltos vão favorecer a altura mas também ficam bem com uns rasos - não esquecer é que se fizerem bainha para saltos, só dá para usar com saltos para não arrastarem depois as bainhas no chão ao usarem com uns ténis, por exemplo. ;)

E não é um modelo exclusivo do estilo hippie-chic, porque combinadas com um blazer, umas flared jeans escuras ficam perfeitas para um look de trabalho, assim como ganham uma conotação mais rock se conjugadas com um blusão de cabedal. Assim como se usadas com uma sweater ganham logo um ar mais casual. Depende sempre das misturas que são feitas - inspirem-se nas diversas opções de looks aqui em baixo e apostem em recuperar as vossas velhinhas jeans à boca-de-sino. ;)














4 comentários:

  1. Confesso que já nao uso dessas calças há anos!!!! mas cada vez mais tenho visto não só a venda, mas em diversas bloggers internacionais principalmente que me deixam com aquela aguazinha na boca. Mas depois, falta-me a coragem, não sei; já estou desabituada.

    Pessoalmente AMEI a terceira foto do look. Bastante vintage. ADOREI.

    P.S.: Vê os meus ultimos posts:
    Diário de um Sonho E PTW Outdoor – a experiência
    [Desabafos e Coisas]

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também gosto muito do terceiro look! ;) E não tem que te faltar a coragem porque não vais voltar ao passado, como podes ver pelos imensos exemplos, estão-se a usar e muito bem, de forma sempre atualizada! ;) Obrigada! ***

      Eliminar
  2. Amei o post!
    http://emcasademaria.blogspot.com

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...